EXCURSÃO SÃO PAULO

COMPRAS EM SÃO PAULO.

Bras, 25 de Março, feirinha da Madrugada, Bom Retiro, Galeria Pagé, Rua Oriente, Shopping 25, Santa Efigenia, José Paulino.

Em uma única viagem você conhece todos estes lugares. Tudo a menos de 15 minutos um do outro, ligue e tire suas duvidas.

SITE OFICIAL:  www.excursoescompras.com.br

Ônibus semi-leito, 40 lugares, dois andares, com escolta, lanche, agua, refrigerante e frutas durante o dia, ar, wc, frigobar, tv, dvd, apoio para as pernas e pés, 2 motoristas, cobertores
Pacote completo:


SITE OFICIAL:  www.excursoescompras.com.br

A Feira da Madrugada - é o maior Shopping a céu aberto da América Latina. Localizada no centro comercial do Brás, bem no coração de São Paulo. Tem aproximadamente 70 mil metros quadrados e estacionamento fechado tanto para ônibus como para vans.

A feira abriga uma média de 3.500 stands e negocia-se de tudo. Principalmente roupas, bolsas, calçados, óculos, bijuterias, brinquedos, produtos eletrônicos e outras novidades.


Comerciantes, a maioria fabricantes, vendem no atacado e varejo produtos muito baratos.

A feira existe a mais de 10 anos e fica na Rua Oriente com a Rua Monsenhor Andrade.
Funciona de segunda a sábado das 3h00 às 10h00. Podendo estender seu horário até mais tarde dependendo da movimentação de pessoas.

Graças a Feira da Madrugada no bairro do Brás, a vizinhança cresceu assustadoramente, tranformando-se num dos maiores pólos de negócios do país. Diariamente é grande a concentração de pessoas na feira. Ônibus de toda parte do país trazem pessoas para realizar suas compras, inclusive de países vizinhos.

A viagem compensa, pois tudo o que é vendido na feira é de boa qualidade e está sempre na moda. Muitas pessoas reforçam seu orçamento familiar comprando na Fiera da Madrugada e revendendo em lojas ou para outras pessoas. Vale a pena visitar a Feira da Madrugada e conhecer o melhor do Brás e 25 de Março. Faça como muitas pessoas: venham crescer com a gente e realizar bons negócios.


Rua 25 de Março - Tecidos, confecções, brinquedos, bijuterias e armarinhos. O lugar é perfeito para o cliente que não quer gastar muito. Possui grande variedade de produtos, desde brinquedos até relógios e perfumes. Na região há vários camelôs e galerias, entre elas a famosa Pagé. O lugar atrai milhares de pessoas todos os anos, principalmente na época do Natal, portanto, vá preparado para enfrentar o empurra-empurra. É recomendável transitar pelo local a pé. Para quem vai de metrô, é preciso desembarcar na estação São Bento, da Linha Azul, e descer a Ladeira Porto Geral.
Ruas Oriente, Maria Marcolina e Silva Teles - Tecidos, confecções e artigos de cama, mesa e banho. Fica no Brás.

Rua Santa Ifigênia - Materiais e aparelhos eletrônicos. A Rua Santa Ifigênia é a Meca paulistana dos eletroeletrônicos. Artigos de informática, computadores em geral, som para carros, celulares e muitos outros aparelhos podem ser encontrados aqui. Fique atento para as mercadorias piratas. Sempre exija a nota fiscal e a garantia. Fica entre as avenidas Duque de Caxias e Ipiranga. A Luz é a estação do Metrô mais próxima.

Rua São Caetano - Vestidos e enxovais para noivas. Além de lojas que vendem vestidos já prontos para noivas, madrinhas e padrinhos, há aquelas com estilista próprio. Também é possível contratar o trabalho de empresas que fazem todo o ritual: vestidos, enxovais, festas e muito mais. Aqui, o visitante encontra produtos que se encaixam em todos os orçamentos. Fica entre as avenidas Prestes Maia e do Estado. O trânsito na região é intenso o dia todo. O melhor jeito de ir até lá é de Metrô (Estação Luz).

Rua José Paulino - Confecções, malharias e tecidos. O que sustenta o comércio da região são as vendas em grande escala para lojistas e sacoleiras que vêm em caravanas de todo o Brasil e compram, no mínimo, 12 peças. O ponto alto é a pronta-entrega. Tudo o que está à mostra pode ser comprado e entregue na hora, sem a necessidade de pedidos e prazos para envio de mercadoria. Isso faz com que 70% das vendas da região sejam feitas para lojistas de fora de São Paulo e da América do Sul. Também é possível comprar roupas e tecidos a varejo, mas não há provadores nas lojas. O forte do local são roupas femininas e também há boas lojas de confecção masculina. Ali, a melhor dica é andar e pesquisar. Fica entre a Praça da Luz e a rua Tenente Pena, no bairro Bom Retiro.

Rua Oscar Freire e região - Lojas de grife, alta-costura, joalherias. O quadrilátero formado pelas ruas Haddock Lobo, Lorena, Bela Cintra e Oscar Freire é considerado o mais finos de São Paulo. O local reúne algumas das principais lojas de grife da cidade, como a Empório Armani, Bally, Ralph Lauren, Hugo Boss, Kenzo, Christian Dior, Lacoste, Louis Vitton, entre outras. Estacionar o carro na região não é problema: a maioria das lojas possui sistema de manobrista na porta.

Rua Teodoro Sampaio - Vestuário, móveis e instrumentos musicais. A rua Teodoro Sampaio pode ser considerada um local de comércio "triplamente" especializado. Nos primeiros números da rua, próximo ao Largo da Batata, oferece uma grande quantidade de lojas para vestuário masculino e feminino para todas as idades e preços. Um pouco mais adiante a especialidade é outra: móveis. A maioria das lojas trabalha com pronta entrega, mas também é possível encomendar móveis sob medida. Os preços são variados, o melhor é pesquisar. Após o cruzamento com a avenida Henrique Schaumann, a Teodoro mostra para que veio. Há uma infinidade de lojas de instrumentos musicais que contemplam os mais variados tipos de peças. Da viola caipira às caras guitarras de fabricação estrangeira é o local ideal para quem está pensando em começar a carreira musical. Paralela a avenida Rebouças, começa em Pinheiros e vai até a Dr. Arnaldo.

Avenida Dr. Arnaldo - Flores. A avenida é muito conhecida pelas dezenas de bancas de flores que ficam encostadas ao muro do cemitério do Araçá. Flores nacionais e importadas podem ser encontradas por lá. Funciona 24 horas.

Rua da Consolação - Lustres, abajures e luminárias. Considerada um dos mais importantes polos de venda de objetos de iluminação e materiais elétricos da América Latina. Fica entre a rua Coronel José Eusébio e a avenida Paulista.

Rua Marquês de Itu - Molduras, telas e cavaletes. Conhecida como "Rua dos Pintores", todos os domingos de manhã, há mais de quinze anos, recebe profissionais e aqueles que querem arriscar as primeiras pinceladas. Próxima ao Metrô República.

Largo do Arouche - Flores, calçados, bolsas e artigos em couro. Fica a 400 metros do Metrô República.

Avenida Duque de Caxias - Acessórios e peças para automóveis. Fica entre as avenidas São João e Rio Branco, na República.

Rua Conselheiro Crispiniano - Artigos para fotografia. Fica entre rua 7 de Abril e a avenida São João, na República (atrás do Teatro Municipal).

Rua 7 de Abril e Barão de Itapetininga - Jóias, pedras preciosas e semi preciosas. Reúne lojas como H. Stern, Amsterdam Sauer e Vivara. Local de difícil estacionamento. O melhor é ir de Metrô (Estação República).

Rua Florêncio de Abreu - Máquinas, ferramentas e ferragens. Fica entre o largo de São Bento e a rua Carlos de Souza Nazaré, no Centro.

Avenida São Luís - Agências de viagens e companhias aéreas. Fica entre a avenida Ipiranga e a rua da Consolação.

Rua Galvão Bueno - Comércio de artigos orientais. Fica entre a rua São Joaquim e a praça da Liberdade, na Liberdade.

Rua Augusta (lado Jardins) - Tecidos, roupas finas e calçados. Fica entre avenida Paulista e a rua Estado Unidos.

Rua Silveira Martins - Essências para perfumes. Fica entre a praça Clovis Beviláqua e o parque Dom Pedro, no Centro.

http://excursaocomprasnoparaguai.blogspot.com/